(23-15) Chicago Bulls 115 x 111 Philadelphia 76ers (4-37)

Placar (Pós-Jogo).jpg

Jimmy Save The Day! Comandado pelo camisa 21, Bulls vira, de forma incrível, contra o Philadelphia 76ers, na prorrogação.

Boxscore

 

Resumo
Que jogo foi esse no Wells Fargo Center! Chicago, sem Rose e Gasol, começou a partida igual contra os Sixers, mas viu a partida tomar um rumo diferente. Os donos da casa, com Okafor, começaram a mandar no jogo, abrindo 34-22 no fim do primeiro quarto. No segundo, o pesadelo ganhava forma. Phila chegou a abrir 24 pontos (maior diferença da equipe na temporada) e, se não fosse Jimmy Butler (visivelmente cansado e com dores no tornozelo) e seus 25 pontos no primeiro tempo (igualando marca de Michael Jordan – mais detalhes no fim do post), Chicago terminava o primeiro tempo perdendo por 16 pontos. Fora a partida que Mirotic e Brooks, aniversariante do dia, estavam fazendo. A coisa tava feia. 62-46 Sixers.

Começou o segundo tempo e Chicago, precisando se recuperar no jogo, apostou suas fichas em Butler e (como) ele correspondeu: foram 11 pontos, 1 assistência e 1 roubo de bola nos 12 minutos. Ajudado por Mirotic, McDermott, Hinrich, Noah e Moore, os Touros, que pareciam entregues no primeiro tempo, terminaram apenas 2 pontos atrás no terceiro quarto, graças a cesta de três de JB. 79-77 Sixers.

No último quarto, Phila voltou mais ligado e acertou seus primeiros cinco chutes de quadra (sendo duas triplas de Convington) e rapidamente abriam 9 pontos. Coube a dupla Butler-McDermott aparecer em cena. Dos 27 pontos, 24 foram da dupla (15 de JB e 9 de McD). A única cesta que não foi feita por eles, foi convertida por E’Twaun Moore (de três), faltando 1:17 para o fim, colocando o Bulls na frente, 104-101. Mas Ish Smith respondeu na mesma moeda, empatando o jogo a menos de 20 segundos do fim. Na jogada final, Butler, muito bem marcado, não conseguiu fazer sequer o passe para Noah e a partida foi para o tempo extra.

Nos cinco minutos seguintes, os Sixers voltaram anotando os primeiros quatro pontos. Moore respondeu com sete pontos seguidos, colocando Chicago a frente por 4 pontos, após cesta (e recorde) de Butler. Ish Smith, mais uma vez, tira uma cesta de três da cartola, e Phila voltava a incomodar, 113-111. Moore poderia dar mais tranquilidade para os visitantes, mas errou o gancho. Smith tentou responder, mas também não teve sucesso. Confuso, os Sixers demoraram a pedir tempo após o rebote de Noah, faltando 23 segundos para o fim. Após o lateral bola, McDermott converteu seus dois lances livres e colocou Chicago novamente com quatro pontos de frente. Smith teve mais uma chance para colocar fogo no jogo, mas falhou e Chicago, no sufoco, venceu depois de três derrotas seguidas.

O nome do jogo, Jimmy Butler, teve novas marcas:

  • Com 25 pontos e 14 lances livres tentados no primeiro tempo, se igualou a Michael Jordan, que tinha feito isso em 1988;
  • Com 53 pontos, Butler se torna o primeiro jogador, depois de Jamal Crawford (em 2004), a anotar 50+ pontos em uma partida dos Bulls;
  • Com 50+ pontos, 5+ rebotes e 5+ assistências, JB iguala Michael Jordan, que foi o último a ter esses números, em 1993, pelos Bulls.

Destaques

Chicago Bulls

  • Jimmy Butler: 53 pts (15-30 fg, 21-25 ft), 10 reb, 6 ast, 3 stl;
  • Doug McDermott: 17 pts;
  • E’Twaun Moore: 14 pts;
  • Joakim Noah: 6 pts, 16 reb, 8 ast, 2 stl, 7 to;
  • Taj Gibson: 11 pts, 11 reb.

Philadelphia 76ers

  • Ish Smith: 24 pts, 4 reb, 8 reb, 2 stl;
  • Robert Covington: 25 pts, 6 reb, 2 stl, fouled out;
  • Nik Stauskas: 12 pts, 5 ast, 2 stl;
  • Jahlil Okafor: 12 pts, 4 reb.

Próximo Jogo: vs. Dallas – 15/01, às 23:00.

20 Respostas para “(23-15) Chicago Bulls 115 x 111 Philadelphia 76ers (4-37)

  1. Se não jogarem Butler e Gasol, coloquem mais uma derrota na conta. Sem Rose, Gasol, Butler…..não pra ganhar, mesmo do Phila. Caso Butler jogue, ainda há boa chance de ganhar.

  2. Confirmado: Rose não joga. Ideia é preservá-lo para amanhã, no jogo contra Dallas.

    Jimmy Butler vai pro jogo.

  3. Alguém sabe se amanhã tem transmissão do jogo em algum canal?? Tô de folga e queria aproveitar pra ver o nosso bulls…

  4. TOs TOs TOs e mais TOs…entra jogador, sai jogador e os TOs continuam.

  5. Uma coisa que nunca muda no Bulls é essa má vontade (desrespeito) contra times fracos….se eu sou o tecnico, presidente, whatever…dou um esporro e um ultimato…do contrário, deixo o jogador fora do time, esquentando banco…

  6. Os caras tão errando fundo bola cara..

  7. Vergonhoso o que esse time tá fazendo em quadra…e nem adianta falar que tá jogando sem Rose e Gasol, pq o elenco do nosso adversário de hoje é simplesmente horroroso, mas estão massacrando o nosso time em todos os sentidos.

  8. Time sem vergonha,chega amanhã e joga bem com o Dallas.

  9. Não vou falar mais nada, diante do que estou vendo…

  10. Um time que mal ganha do Sixers não precisa ir nos Playoffs e passar vergonha…

  11. Tá que foi contra esse time horrível, mas que partida do Butler..tiro o time de uma diferença de 20pts pra ganhar.

  12. Pingback: (10-71) Philadelphia 76ers @ Chicago Bulls (41-40) | Chicago Bulls Brasil

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s