(22-15) Chicago Bulls 101 x 106 Milwaukee Bucks (16-24)

Placar (Pós-Jogo)

Chicago começa bem, volta do intervalo mal (e sem Derrick Rose) e perde para o Milwaukee Bucks. Já é a terceira derrota seguida.

Boxscore

 

Resumo
O que aconetece com os Bulls? Está difícil encontrar uma resposta para o que vem acontecendo. Hoje, a equipe começou muito bem contra os Bucks, tiros certeiros de três, o garrafão (que era problema nos últimos jogos) funcionando na defesa e o primeiro quarto terminando 29-20 contra Milwaukee. No segundo, apareceu o grego Giannis Antetokounmpo, que começou a atacar a cesta. Isso incendiou o jogo, e os Bucks cresceram. Os Bulls seguraram o ímpeto adversário e, no intervalo, estava a frente por cinco pontos (51-46).

No segundo tempo, a partida começou a sair das mãos dos visitantes. Com pouco mais de três minutos, Rose foi substituído por Kirk Hinrich, alegando dores na perna esquerda. Ainda durante a partida, o camisa 1 foi diagnosticado com uma dor no tendão da patela esquerda (dores causadas por excessos de treino) e viu do banco a reação de Milwaukee, comandada pelo Greek Freak. Os donos da casa passaram a frente pela primeira vez no placar, mas Chicago acordou a tempo e retomou a liderança no fim do terceiro quarto, 77-74.

No último quarto, o jogo ganhava em emoção. Chicago não conseguia abrir no placar e via os Bucks sempre por perto, esperando um vacilo (foram 30 pontos em erros dos Bulls). Na metade do período, Rose voltou a quadra e ficou pouco mais de dois minutos. Acabou indo para o vestiário e não voltou mais para o jogo. Em quadra, apenas Jimmy Butler conseguia pontuar e Milwaukee foi comendo pelas beiradas, até Greg Monroe conseguir uma jogada de três pontos e virar o jogo novamente. Khris Middleton acertou uma bola tripla em sequência e a vantagem estava em 4 pontos com dois minutos para o fim. Com a mesma diferença a 47 segundos do final, JB cava uma falta para três lances livres, mas acerta apenas dois e na jogada seguinte, Middleton acreta um fadeaway sobre Butler para garantir o resultado e a vitória para o time de Wisconsin.

Com a bola de três no estouro do cronômetro de Pau Gasol (que estava em uma jornada para ser esquecida), Chicago chega a 12 jogos seguidos marcando 100 pontos. A última vez que isso aconteceu foi em 1992.

Agora, o time tem apenas um dia de descanso antes de encarar o segundo back-to-back da semana e a próxima parada será na Philadelphia, contra os 76ers.

Destaques

Chicago Bulls

  • Jimmy Butler: 30 pts, 8 reb, 6 ast;
  • Tony Snell: 17 pts, 7 reb;
  • Nikola Mirotic: 17 pts, 5 reb, 2 blk;
  • Pau Gasol: 10 pts (4-12 fg), 14 reb, 5 ast, 4 blk.

Milwaukee Bucks

  • Giannis Antetokounmpo: 29 pts, 10 reb, 5 ast;
  • Greg Monroe: 17 pts, 12 reb;
  • Khris Middleton: 16 pts, 6 reb, 9 ast;
  • Jabari Parker: 16 pts, 3 stl.

Próximo Jogo: @ 76ers – 14/01, às 22:00.

Anúncios

29 comentários em “(22-15) Chicago Bulls 101 x 106 Milwaukee Bucks (16-24)

Adicione o seu

  1. Ele pode até ganhar o jogo pra nós, mais ja to perdendo a paciência com o gasol, os cara fica dormindo na defesa, parece q ta cansado, acho bom o bulls arrumar uma trade boa por ele logo

  2. Caramba..acho que essa partida é a pior que já vi do Gasol viu. Cara tá sendo dominado com D maiúsculo..até cesta sozinha ele tá errando. Pode ser que termine bem, mas até agora desastroso.

  3. Esse é o “grande” Bulls atual, “miagente”..

    Alguém bota fé que isso passa qualquer esperança? Quer dizer, faz uns 3, 4 jogos que estamos jogando essa bolinha…

  4. É muito TO cara..nosso time não sabe tomar conta da bola. Bucks fez um show de contra-ataques convertidos em erros nossos..parece que a bola tá pegando fogo.

  5. Rose se contunde pela trigésima nona vez….tipo, só fanático para não aceitar o fato de que ele NUNCA mais ficará 100% (digo, nunca mais será o Rose MVP)

  6. Cara nem o mais fanático do mundo acredita q esse time venceria os Cavs em uma série d playoffs, nem q a vaca comece à botar ovo, time mais inconsistente da NBA, me ganha 6 jogos seguidos e alguns bem difíceis e perde 3 fáceis qd é pra arrancar d vez, esse time já deu o q tinha q dar, Gibson, Noah e até o Rose devem ser trocados para recomeçar com um time de verdade, eles já renderam aquilo q tinham q render, n vão melhorar nunca, esse é o limite deles, no caso do Rose foram as lesões q o impediram d ser um dos maiores d todos os tempos, e se der uma cortada bem significativa no salário dele pra n encher mais o CAP ele merece ficar por td o q fez e pelo amor q tem pelo time e cidade, más Gibson e Noah devem ser trocados nem q seja por pics, pq n irão mais à lugar algum, só irão atrapalhar à evolução do Niko e do Portis, como o Deng fazia com o Butler…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑