Reconstrução ou Reformulação, eis a questão!

Bulls+Logo

Depois de ter dominado a temporada regular da NBA em 2011 e 2012, o Bulls parece jogar sem um objetivo na atual temporada. Tank, Draft, Playoffs, ou Free Agency, o que esperar da equipe no futuro e o que poderá ser feito ou não pelos cartolas de Chicago:

Com a certeza que Derrick Rose perderá a segunda temporada consecutiva na carreira, e que a equipe não tem chances de competir no mesmo nível contra Pacers e Heat, a direção do Bulls tem uma importante decisão a fazer: decidir qual será o futuro da equipe.

As diversas possibilidades quanto o futuro da equipe confundem a cabeça de muitos torcedores do Bulls, portanto a equipe do site irá fazer uma pequena projeção com tudo o que deve ou não acontecer com o Chicago Bulls nos próximos meses e nos próximos anos:

* TANK:

s080520_nbalottery

Se o Bulls estiver querendo perder de propósito não está conseguindo. A equipe até que começou a temporada de uma forma bem duvidosa, mas depois se encontrou em quadra e as vitórias vieram naturalmente. Atualmente com um recorde de 17v e 19d a equipe está na 5ª posição da fraca Conferência Leste e nos últimos 10 jogos a equipe só perdeu 3.

É difícil acreditar que a direção do Bulls tem a pretensão de “tankar”, mais difícil ainda é imaginar um técnico como Tom Thibodeau aceitar ordens de entrar em quadra só para perder. Tudo indica que o Bulls irá se classificar sem dificuldades para os Playoffs, acabando de vez com qualquer chance de ter uma escolha Top 5.

* DRAFT:

2008 NBA Draft

Se manter o mesmo ritmo e se classificar para a pós-temporada, além de não trocar nenhum jogador para enfraquecer o elenco, o Bulls não terá nenhuma escolha Top 10 na noite do recrutamento. O NBA Draft de 2014 promete ser o melhor desde 2003 simplesmente por 2 nomes: Jabari Parker e Andrew Wiggins, porém não são só esses 2 jogadores que fazem esse Draft tão cobiçado assim.

Para os fãs do Bulls é essencial torcer para que a escolha do Charlotte Bobcats seja acima da escolha 10, porquê essa escolha é “Top 10 Protected”, ou seja se o Bobcats tiver a escolha de número 11, essa escolha passa a ser do Bulls automaticamente.

Outra escolha bem interessante é a escolha do Sacramento Kings que foi mandada pelo Cleveland na troca que tirou Luol Deng do Bulls. Essa escolha é “Top 12 Protected”, ou seja o Bulls só poderá ter direito a essa escolha se o Kings não ficar do 1º ao 12º lugar na loteria do Draft.

Atualmente o Sacramento Kings tem a escolha de número 7, e o Charlotte Bobcats a de número 9, ou seja se a temporada terminasse hoje, o Bulls não tinha direito a nenhuma dessas escolhas. Para o Bulls ir para a noite do Draft com 3 potenciais escolhas de 1º Round é preciso que Sacramento e Charlotte ganhem mais jogos, então vale a nossa torcida.

* PLAYOFFS:

7322936

Existe um ditado bem conhecido no mundo dos esportes: “O que vale é competir”. Parece que esse vai ser o lema do Bulls nos Playoffs de 2014. Sem contar com sua estrela e líder da equipe, Derrick Rose, as chances do Bulls conquistar o sétimo título da NBA são muito remotas, mesmo assim existe quem acredite.

Quando a equipe jogou sem Rose durante toda a temporada passada, o Bulls surpreendeu muita gente com sua força, determinação e esforços nos Playoffs de 2013. Depois de vencer uma série dramática de 7 jogos contra o Brooklyn Nets a equipe caiu nas semifinais contra o Miami Heat.

Tudo indica que novamente a equipe não vai poder contar com Derrick Rose, e depois da troca de Luol Deng para o Cleveland é natural que a equipe não possa disputar no mesmo nível de equipes como Indiana e Miami. Mesmo assim parece que o Bulls irá para mais um Playoffs, sem a certeza do que fará quando a pós-temporada começar.

* FREE AGENCY :

melo

Com a troca de Luol Deng, o Chicago Bulls economizou 20 milhões de dólares entre salários e multas, e ainda por cima saiu da “Luxuary Tax”. Pensando no futuro a equipe decidiu poupar gastos em uma temporada que não tem pretensão de título para colher os resultados no futuro.

No final dessa temporada tudo indica que a direção do Bulls usará a cláusula de anistia em Carlos Boozer, cláusula essa que permite eliminar da folha de pagamento da franquia (CAP) todo o salário do jogador dispensado. Como Boozer tem garantido 16.800,000 milhões para a próxima temporada a direção do Bulls pretende anistiar Boozer e economizar quase 17 milhões para a Free Agency de 2014.

Na temporada 2014/15 se Carlos Boozer for realmente anistiado, apenas Derrick Rose, Joakim Noah, Taj Gibson, Mike Dunleavy JR, Jimmy Butler, Tony Snell e Marquis Teague terão salários garantidos e juntos vão ocupar 48 milhões no CAP Space do Bulls. Considerando que o CAP da temporada 2014/15 será de 63 milhões e a Luxuary Tax será de 72 milhões o Bulls terá em torno de 15 milhões livres para atingir o CAP e poderá gastar até 24 milhões sem precisar entrar na “Taxa de Luxo”.

De acordo com rumores, para ter mais flexibilidade financeira para gastar na Free Agency, o Bulls pode inclusive negociar jogadores como Kirk Hinrich, Mike Dunleavy JR, Marquis Teague e Taj Gibson, liberando espaço suficiente para tentar trazer astros como Carmelo Anthony, LeBron James, Dwyane Wade entre outros. Outro nome que pode pintar no Bulls em 2014 é do ala-pivô sérvio Nikola Mirotic, jogador do Real Madri da liga espanhola de basquete, considerado por muitos como melhor jogador de basquete atuando fora da NBA.

O futuro do Bulls irá passar por um desses caminhos, somente o tempo irá nos mostrar qual caminho foi escolhido e se a escolha foi certa!

Se você fosse o Gar Forman (GM do Bulls) qual decisão tomaria pensando no futuro do Bulls? Comente e expresse sua opinião.

Anúncios

43 comentários em “Reconstrução ou Reformulação, eis a questão!

Adicione o seu

  1. muito boa a matéria, sou a favor do rebuild full, tankar nessa temporada e ainda gastar tudo o que tem na Free, sei que é um pensamento de torcedor, mas plausível, basta os dirigentes pensar do tamanho do Bulls, essa marca n pode ser coadjuvante nunca, assim eles ganham, e nos torcedores ficamos felizes. tentaria Carmelo tbm, parece ser o AS mais plausível.

  2. Excelente post Jorge, Parabéns.
    Para mim o Bulls já está bem encaminhado desde que resolveram trocar Luol Deng, tudo bem que não ganhou muita coisa em troca mas acredito que também não perdeu muito, pois Luol Deng não era nenhum MVP e não conseguiria levar o Bulls muito longe, sem contar que Deng iria embora de qualquer jeito pois não aceitou um contrato oferecido de 30 milhões e acabaria saindo de graça.
    Tem muitos jogadores do Bulls que são totalmente negociáveis como Kirk Hinrich, Marquis Teague entre outros e tem alguns que um bom trabalho feito sobre eles seriam muito importantes como o Taj Gibson e Mike Dunleavy, enquanto a Carlos Boozer não deixa de ser importante mas também é negociável.
    Para mim (opinião pessoal) Joakim Noah é inegociável, ele pode não ser o melhor pivô da NBA nem um grande pontuador mas é extremamente importante para o Bulls, ele é alma do time, joga com o raça e com o coração.
    Não sou muito fan de algumas estrelas como Carmelo Anthony e Lebron James, mas não me importo com isso, toda e qualquer ajuda será bem vinda.
    Derrick Rose é uma história que ninguém sabe o fim, pode voltar e ser até melhor do que já foi ou pode simplesmente nunca mais ser o mesmo, então é esperar para ver.
    Agora o que não há razões para acontecer é essa história de tank, isso é vergonhoso, ridículo não existe isso, um time entrar para perder e jogar mal propositalmente. Aos torcedores que torcem para isso nem são torcedores de verdade, que torcedor torce para o seu time perder ? Nós torcedores temos que apoiar nosso time seja lá qual for as circunstâncias, e temos que torcer um jogo de cada vez pensar no futuro é interessante mas não podemos simplesmente esquecer o presente, vamos torcer jogo a jogo e sempre torcer pela vitória, se ela não vier paciência afinal somo torcedores e para isso que estamos aqui.

    1. Desculpe-me amigo, mas tanto no esporte, quanto no mundo dos negócios existe uma coisa chamada planejamento, ou seja, pensar em como transformar o futuro em sucesso. Por isso, para mim, seu argumento perde força quando diz q deve-se pensar apenas no presente. Q torcedor de verdade deseja ano após ano ver sua equipe pensar apenas no agora, estar sempre a tapar buracos, se esforçar, mas sequer passar de uma segunda rodada de playoffs? Dar um passo atrás para dar 2 a frente não é “vergonhoso, ridículo”, e te garanto q torço pelo tank, mas muito mais por um futuro próspero e de títulos ao Bulls.

    2. Vai lá sonhador, vamos pros offs e so resta torcer para FA vir algo de bom, Spurs tankaram quando David Robison se machucou e no draft veio Duncan e resto todos ja sabem. O que nao da é um ninguém vir aqui e julgar outros torcedores que pensa diferente.

  3. Já fui ingênuo como você Victor. E no entanto, os anéis continuam desembarcando em Los Angeles, Miami, Boston, etc… Para sermos campeões, precisamos de all stars e drafts bem posicionados. Eu torço pelas derrotas, porque sei que quando chegarmos nos play-offs, lutaremos muito, brigaremos ao extremo, e no final voltaremos pra casa de mão abanando. Se nada for feito, 2014 será igual a 2013, 2012, 2011… Nos desfizemos do Luol, muito provavelmente do Boozer também no final da temporada. A simples adição do Carmelo Anthony já nos daria um up ofensivo extraordinário. E se conseguirmos boas picks (com a sorte de Bobcats e Kings sairem do top 10), um banco cheio de role players promissores.

  4. Sinceramente, não acredito no tank, embora goste da opção. A conferência Leste é patética. Não acredito, ainda, na pick dos Bobcats; creio que não sairão de onde estão. Ainda que tente, com Tom Thibs, Bulls não ficarão fora dos playoffs e, tirando Pacers e Heat, passa por qualquer um na primeira rodada; é o máximo que essa equipe pode oferecer.

    No momento, Rose, Butler e Noah (com boa vontade) são inegociáveis. Sneel, Augustin e Dunleavy são boas surpresas. Pra essa temporada a grande ausência é a do peladeiro Nate, que incendiava os jogos perdidos.

    Gostaria de um Carmelo, e de ver Mirotic por aqui.

  5. Eu acredito que a opção de tank é muito desfavorável, eu acredito que é muito comprometedor apostar todas as fichas do futuro em um garoto da NCAA.

    Andrew Wiggins, Jabari Parker, Julius Randle podem se tornar All-Stars do mesmo modo que podem se tornar busts históricos e essa classe ser mais uma das classes de 2006 da vida.

    Acredito que a nossa única esperança é torcer muito para Kings e BobCats, de qualquer forma, não conseguiriamos uma escolha top 10 visto a qualidade de alguns times, e esses que estão realmente determinados em jogar fora uma temporada, acho que mesmo se perdessemos muito, mas muito mesmo daqui para frente, não pegariamos uma escolha ao menos top 5, pois nosso time é muito competitivo, o nosso técnico tira leite de pedra, e mesmo assim, sem Rose, sem Deng, somos melhores do que metade dos times da liga, acredito que o Draft ajudará bem a nós, colocando pelo menos duas escolhas entre 12 e 20, podemos selecionar Aaron Gordon, Dario Saric, James Young, Noah Vonleh, jogadores que em outros drafts seriam top 3.

    Na Free Agency o nosso grande passo é contratar um all-star para posição três, Carmelo Anthony é meu nome favorito, é um grande jogador, e seria o nosso novo franchise player, dando uma folga a Derrick Rose, seriam mais ou menos Durant e Westbrook, Carlos Boozer deverá ser anistiado, Nikola Mirotic deverá chegar mas não o colocaria como titular na ala-pivô, Taj Gibson está esperando a oportunidade a anos e está mais preparado, Nikola ajudará muito o elenco dos Bulls pois é especialista em três pontos e isso carece no nosso elenco, pode ser um Bargnani mas pode também ser um Kevin Love, de resto, Dunleavy e Snell sendo reservas de Melo, enquanto Butler é o titular na posição 2, revezando draftado ou um contratado(diretoria é mestre em contratar role players).

    Acredito que Augustin está pronto para ser o backup do Rose, não aposto mais em Teague, acho que um armador via Draft ou Agência Livre é bem recomendado.

    1. Michael Jordan era um garoto desse e olha o que ele fez. Única coisa que esse time tinha de brilhante veio do draft, Rose, essa conversa fiada nao cola.

  6. Sou contra a filosofia do tank… Primeiro porque Não consigo torcer para o meu time perder… Posso até não me importar com a derrotas (na verdade, durante a temporada, eu quase não me importo mesmo…) mas torcer para perder não rola… Depois porque tankar não é sinonimo de sucesso no draft… O melhor exemplo disso recente é o Bulls de 2007, que não tankou, ficou como o 9 ou 10 do leste (nao lembro exatamente agora) e pegou a 1ª pick…

    Depois, tem tanto time ruim na nba essa temporada que as chances de o bulls não ir aos playoffs são pequenas e as chances de não ir e conseguir uma high pick são ínfimas…

    Da próxima free agency, de superstar acho que a melhor opção é o LeBron James… Não sei porque, mas não vejo o Carmelo Anthony como uma boa opção… Não vejo o Carmelo tomando as rédeas de um time e levando-o à conquista… Além disso, acho que ele vai mesmo pro Lakers…

    Eu acho que a base do time não é ruim… Gostaria que mantivesse o Dunleavy… Gosto dele desde a época de GSW… E o Taj também é um jogador que pode ser lapidado… Envolver os outros em uma troca para trazer um bom jogador é uma boa opção…

    Mirotic parece ser a mais real opção. Quem sabe esse cara não vem e vira um novo Nowitzki? E à propósito, o Mirotic tem nacionalidade espanhola e é de ascendência Montenegrina, e não Sérvia…

    1. Aliás, no texto está 63 MM, pelo q vi no site será 62,1 MM. Antes de ler esse valor por aqui, achei q sequer ia chegar aos 60 MM na próxima temporada.

      1. Italo com o CAP na próxima temporada sendo de 62,1MM e o Bulls tiver um CAP de 71MM ele paga alguma multa automaticamente, ou só paga se entrar na Taxa de Luxo que deve ser de 75MM?

        1. Ele só paga a luxury tax se passar de 75MM na temporada q vem, ou seja, referente aos salarios de 2014-15. Para a temporada atual (2013-14) ainda valem os valores de 58 MM e 72 MM. O cap atual do Bulls é de $71,251,219, e a Luxury Tax de $71.748.000, portanto não está pagando multa nenhuma nessa temporada. Pelo q vejo, o Bulls vai ter cerca de 48 MM em salarios garantidos na proxima temporada (contando com anistia no Boozer), portanto, caso não efetue nenhuma trade, terá disponivel para contratar na FA algo em torno de 15 MM, atingindo os 62 MM de salary Cap. Contando mais os salarios dos possíveis draftados (talvez o Mirotic tb) e alguma renovação q possa ocorrer (acho q so será necessario renovar o salario do Butler, e mesmo assim passa a contar apenas em 2015-16), não paga Luxury Tax se o valor for menor q os 75MM previstos para a próxima temporada. Não sei se respondi a pergunta…

          1. Respondeu muito bem brother. É pq antes eu pensava que como o CAP do Bulls na próxima temporada vai ser de 48MM contando com a anistia do Boozer, o Bulls poderia gastar até 27MM na Free Agency sem de atingir a “Taxa de Luxo” que vai ser de 75MM.

            Mas não, o Bulls só pode gastar na Free Agency o equivalente para completar o CAP que será quase 15 MM certo? Então essa diferença entre o CAP Space e a Luxuary Tax não pode ser usada na Free Agency né, pq assim seria excelente. Abraço Italo.

          2. Exato Jorge! Na FA só é possível contratar com o que resta de valor até atingir o máximo do Salary CAP (na temporada q vem os 62 MM) ou utilizando as excessoes (Mid-Level, Minimo de Veteranos, etc). O limite do Luxury Tax não conta como valor disponivel para contratações, mas como um limite de salarios do elenco q a equipe deve atingir para nao pagar a taxa, contabilizando todos os salários, renovações, aquisição dos rookies, contratações por meios de exceções, etc.

            Portanto, ocorrendo a anistia do Boozer e não eliminando nenhum contrato do elenco, teremos algo em torno de 15 MM para gastar na FA ou realizando sign-and-trades. É normal q muitas equipes retardem a assinatura com os Rookies, para que eles nao passem a ocupar espaço no cap antes da FA. Vi algumas equipes fazerem isso nessa temporada, assinando apenas após contratarem quem queriam. Fazem isso devido a uma excessao, em q as equipes podem absorver os rookies em suas equipes, independentes de terem espaço no cap.

            Abs meu brother!

  7. ótimo post Jorge. Acho que a postura do time já deixou claro que não pensam em tank. O que fizeram no fim da partida contra o Wizards perdendo por mais de 10 pontos comprova isso…. o negócio mais plausível é realmente torcer pelas picks de kings e bobgatos. uma coisa interessante sobre o Deng é que se não renovarem com ele em cleveland, o que acho dificil já que vem contribuindo, ele provavelmente seria o plano B de mtas franquias que não conseguirem o Carmelo….

  8. Muito bom o post. A próxima free agency é muito boa, mesmo não acreditando na saída de Lebron e Dwyane do Miami. Se eles pedirem mais dinheiro, é mais fácil o Heats negociar o Bosh e outros jogadores para abrir espaço. O Carmelo é o meu jogador favorito na próxima free agency, mas teríamos outros jogadores que poderiam reforçar bem a equipe como: Monroe, Gordon Hayward, Zach Randolph, Lance Stephenson, Evan Turner, Avery Bradley, Shawn Marion, Paul Pierce, Nick Young, Trevor Ariza, etc.

    Acredito que o Carlos Boozer será anistiado e que teremos Mirotic fazendo a transição para a NBA. Li, se eu não me engano no bleacherreport.com, que o Bulls estaria abrindo espaço na folha salarial para oferecer mais dinheiro para o Mirotic. Desta forma, ele mesmo poderia pagar a multa rescisória com o Real Madri, já que o valor da multa está acima do que é permitido aos times da NBA pagarem.

    O próximo draft é realmente muito forte. O Bulls terá a sua própria escolha (17/18) e deve conseguir usar a escolha do Bobcats (16/17), Já a escolha do Kings é complicado, pois o time está nas últimas colocações e dificilmente terá uma escolha acima da 12º posição. Da para projetar a escolha de bons role players, como por exemplo: Adreian Payne, Glenn Robinson, Tyler Ennis, Zach LaVine, Willie CauleyStein.

    O time para 2014 poderia ser.
    PG – Rose, Augustin, Teague
    SG – Butler, Snell, SG draft
    SF – Carmelo, Dunleavy
    PF – Taj, Mirotic, PF Free Agency
    C – Noah, C Free Agency, Center draft

    Outra opção seria juntar todas essas escolha para tentar subir no draft e pegar um jogar melhor, como por exemplo: James Young, Andrew Harrison, Rodney Hood, Aaron Gordon, Dante Exum, etc. Ainda podemos considerar a possibilidade de uma troca pelo Love. algo como: Gibson + um monte de escolha pelo Love. O cara esta bem infeliz com o time, quem sabe essa troca não acontece.

        1. Por assinatura fica tenso mesmo, mas ele só é free agent em 2015, certo? Se o Bulls conseguisse uma troca para trazer ele, quem sabe ele não curte o ambiente… Mas é uma situação um tanto quanto improvável…

          Por assinatura é quase impossivel… O Lakers vai ter quase todo o CAP livre, o Love é da California, talvez até seja torcedor do Lakers…

  9. Dizem por aí que o Love é amigo do Rose, o que viabilizaria uma trade sim… só que o Wolves não aceitaria ninguém menos que o Noah, com certeza. E eu trocaria na hora!!! Para bater salários, teria que ser algo como Noah + Dunleavy + picks por Love. A perda do Dunleavy seria significativa, porque está se mostrando um belo role player, mas você não consegue talento na NBA sem dar talento, não tem bobo nesse negócio…

    1. Não acho que o Noah faça muito sentido para eles, já que o Pekovic esta jogando muito bem e acabou de assinar um belo contrato. Além disso, no último draft, eles pegaram o Dieng que é um bom prospecto de pivo defensivo. Mas o Noah poderia ser envolvido, no caso de um terceiro time. O Noah faria sentido em uma troca pelo Aldridge.
      Bom, eu acho mais provável que eles queiram um PF, picks (ainda mais com um draft forte pela frente) e até mesmo os direitos do Mirotic (que esta jogando muito bem).

        1. Não quis dizer que eles vão querer tudo isso, mas sim alguns desses elementos. Tinha me esquecido do Butler que poderia até entrar nessa negociação.

          Na minha opinião, eu pensaria muito antes de negociar o Mirotic. Tenho acompanhado os jogos do Real, e mesmo jogando em um time muito forte, com vários ótimos jogadores, sem ter muito tempo de quadra (o time roda muito bem os jogadores) e em um sistema de jogo em que a bola roda bastante e acaba no jogador em melhores condições de pontuar; ele consegue se destacar. O garoto é novo e muito talentoso. Acredito que ele vai precisar de um ou dois anos para se adaptar ao estilo de basquete da NBA e vai precisar ganhar um pouco de massa muscular. Mas as minhas expectativas são altas.

      1. Uma triangulação me parece mais razoável realmente, mas mesmo assim eu mandaria o Pekovic pro terceiro time, e ficaria com o Noah, no caso dos Wolves…

  10. Eu torço pelo tank pelo planejamento mesmo, mas é triste torcer pro seu time perder. De qualquer forma, eu preferiria ou Wade ou Carmelo nessa janela, o LeBron acho difícil, mas porque não? De qualquer forma seria minha terceira opção.

    Se o Mirotic vier, excelente. Rose, Wade, Butler, Mirotic, Noah seria um excelente time. EXCELENTE! Eu gosto do Carmelo, mas o cara não passa um estigma de vencedor… Sei lá.

    O esquema é esperar pra ver, e torcer pro Bob Cats pelo menos pegar o pick #11, o Kings acho difícil.

  11. Post excelente, muito rico em detalhes! Parabéns, Jorge.

    Mas como alguns já falaram, eu preferiria tankar (mesmo com o time que no conjunto até conseguiria ir pros offs), ter boas picks no draft e ainda atacar no free agents. Além de também tentar algumas trades com o Kirki e até com o Dunleavy. Apostaria em mais alguns jovens. Mas vamos ver…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑