Playoffs Semifinais Jogo 5: (1-4) Chicago Bulls 91 vs 94 Miami Heat (4-1)

placar com números

O Chicago Bulls foi valente e superior ao Heat em boa parte do jogo, mas no final não restou fôlego para vencer LeBron James e Dwyane Wade, e o Miami Heat passou o Bulls na etapa final, fazendo 4 a 1 na serie e avançando para a final da conferência.

BoxScore

RESUMO

Para quem precisava tanto do resultado, os Bulls não tiveram o início esperado. Ao errar seus primeiros três ataques, o time de Chicago permitiu que os donos da casa fizessem 10 a 0 com extrema facilidade. Foi Jimmy Butler quem abriu o placar para os visitantes, mas nada parecia parar o Heat. Liderado por James e com Udonis Haslem inspirado, o time de Miami se portava como uma parede para impedir qualquer tentativa de reação dos rivais. Apagado durante toda a parcial, Nate Robinson conseguiu sair do zero em arremesso de três. Mas não conseguiu evitar a vantagem da equipe da Flórida no fim: 30 a 21.

Logo no início do segundo quarto, o Chicago encostou. Robinson marcou mais dois pontos e ainda aproveitou o lance extra, diminuindo a diferença para apenas quatro pontos: 32 a 28. Em uma cesta de três pontos, Butler levou os Bulls a apenas um ponto do empate. O jovem destaque dos visitantes repetiu o feito e comandou a virada (38 a 36).

Robinson aumentou a vantagem em mais uma cesta de três, renovando a esperança dos Bulls na série. Bosh, em dois arremessos seguidos de três, manteve o time da casa no jogo (44 a 43).  Mas, ao contrário do jogo anterior, Robinson se mostrou mais certeiro. Em um arremesso de três, fez a franquia de Chicago terminar o primeiro tempo com 53 a 57.

No retorno à quadra, LeBron James diminuiu a diferença ao marcar de três. Mas os Bulls se mantinham à frente. Apesar do esforço dos donos da casa, Boozer, Butler e Robinson lideravam os visitantes e preocupavam a torcida na arena em Miami. Apesar da torcida de Will Smith, que acompanhava à partida ao lado do filho, Jaden, à beira da quadra, o Heat não conseguiu chegar. E, cheio de esperança, o Chicago foi para o último quarto à frente: 77 a 69.

Mas o Heat chegou. Em uma cesta de três de Shane Battier, os donos da casa ficaram a apenas dois pontos do empate (79 a 77). Em um contra-ataque, LeBron saiu em disparada e foi parado com falta por Robinson. Os árbitros se reuniram para rever o lance, mas o astro dos Bulls seguiu em quadra. O Heat, porém, passou à frente com Norris Cole (82 a 81). Na sequência, o próprio armador passou por dois marcadores e conseguiu bela enterrada, levantando a torcida da casa.

O jogo, então, ficou frenético. O Heat acelerou, e os Bulls pareciam sem fôlego. Sumido durante boa parte do jogo, Dwyane Wade cresceu de produção e fez a franquia de Miami abrir vantagem em cestas seguidas. Valente, Chicago lutou até o último segundo, em um arremesso de três de Robinson que mudaria o jogo. Não deu. Pelo terceiro ano seguido, o time de Miami garantiu seu lugar na final da Conferência Leste.

(Texto de GLOBOESPORTE.COM)

ESCALAÇÕES

Chicago Bulls

  1. Nate Robinson
  2. Marco Belinelli
  3. Jimmy Butler
  4. Carlos Boozer
  5. Joakim Noah

Miami Heat

  1. Mario Chalmers
  2. Dwyane Wade
  3. Lebron James
  4. Udonis Haslem
  5. Chris Bosh

DESTAQUES

Chicago Bulls

  • Carlos Boozer: 26 pontos, 14 rebotes, 1 assistência e 2 roubos;
  • Nater Robinson: 21 pontos, 5 rebotes e 6 assistências;
  • Jimmy Butler: 19 pontos, 5 rebotes, 4 assistências e 3 roubos;
  • Rip Hamilton: 15 pontos, 2 rebotes, 1 assistência e 2 tocos;

Miami Heat

  • Lebron James: 23 pontos, 7 rebotes, 8 assistências e 2 roubos;
  • Dwyane Wade: 18 pontos, 5 rebotes, 6 assistências e 2 roubos;
  • Chris Bosh: 12 pontos, 7 rebotes, 1 assistência e 2 tocos;
Anúncios

4 comentários em “Playoffs Semifinais Jogo 5: (1-4) Chicago Bulls 91 vs 94 Miami Heat (4-1)

Adicione o seu

  1. orgulhoso desse time, que a diretoria saiba manter o que ganhamos nesse temporada, Nate, Belinelli, Butler, Kirk, é como muita generosidade ate o Nazr, que traga pelo menos um reforço acima da media como Ellis por exemplo, e que Rose, após suas férias de 17 meses, volte com tudo, que nos mostre que tinha razão em ficar de fora de toda a temporada, que quando decidiu por isso, o fez pensando no seu futuro junto a Franquia, ficará no ar, pq n disse ao mundo que ficaria fora, as criticas vieram causadas pelo seu comportamento, principalmente daqueles que lamentaram o ver fora de toda uma temporada, de ter perdido a grande vitória sobre o Heat, o massacre contra os fregueses Knics, que ele adora maltratar, enfim, se o seu erro nessa historia toda foi apenas omissão, volte a ser o fenômeno e tudo passará, que o futuro nos mostre que o que aconteceu foi para o bem de todos os envolvidos com essa franquia apaixonante chamada CHICAGO BULLS, mal posso esperar pra velo de novo, jogando uma temporada inteira, afinal são 2 anos sem isso acontecer, ansioso para que o THE RETURN finalmente aconteça, MAS PRINCIPALMENTE, ansioso para ver novamente o Bulls em quadra, com um time mais forte e competitivo, digno da sua historia, SEE RED FOREVER. abraços galera, que venha a próxima temporada, reservada de muitas felicidades pra nós, comecando pelo DRAFT, QUEM SABE N ACHAMOS UM OUTRO BUTLER EM.

  2. quero mais do bulls para temporada que vem , volta do rose . complementando o time para chegar na final . jogar focado no jogo e não so reclamando com juizes e passar por cima dos outros times .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑