(17-26) Chicago Bulls 77 x 88 Phoenix Suns (32-13)

Ainda sem Ben Gordon e Luol Deng, o Chicago Bulls, mais uma vez, perdeu para o Phoenix Suns.

Chat – Box Score –  Melhores Momentos

O Bulls contava com os dois desfalques já citados. Pelo time de Arizona, a ausência foi o veterano ala Grant Hill.

As duas equipes começaram o jogo errando muitos arremessos. O jogo de transição intensa do Phoenix Suns não estava dando tão certo como de costume. Acontece que o Bulls também não aproveitava essa situação e chutava ainda pior. No fim do primeiro quarto, o Suns liderava por cinco pontos: 20 a 15.

Com um pouco de melhora no aproveitamento dos arremessos, os dois times conseguiram pontuar um pouco mais no segundo quarto. O time visitante, mesmo tendo perdido o período por 27 a 26, foi para o intervalo vencendo por quatro pontos: 46 a 42.

O equilíbrio continuou no terceiro quarto. O Phoenix Suns tentava colocar uma vantagem maior, mas o Bulls, que contava com grande atuação de Kirk Hinrich, não deixavam o adversário escapar no placar. Com as duas equipes anotando 22 pontos no período, o Suns mantinha a mesma vantagem de quatro pontos que já tinha no intervalo: foi para o quarto final de jogo vencendo por 68 a 64.

Entretanto, no último quarto, o Phoenix Suns, com duas cestas de 3 de Leandrinho, anotou os 12 primeiros pontos do período. As chances do Bulls praticamente morreram aí. Mesmo acertando apenas cinco bolas de 3 (de 27 tentadas), o Phoenix Suns venceu o jogo sem ter sido ameaçado de forma mais perigosa pelo Chicago Bulls.

Amare Stoudamire foi o destaque do Suns, com 24 pontos e seis rebotes. Shawn Marion também foi bem e acabou com um double-double: 15 pontos e 11 rebotes.

Kirk Hinrich, pela segunda vez nessa semana, fez mais de 30 pontos: hoje, foram 31 pontos, além de cinco rebotes. Vindo do banco, Tyrus Thomas desencantou e conquistou um double-double: 10 pontos e 11 rebotes. A grande decepção de hoje tenha sido a fraca performance de Andrés Nocioni, que anotou apenas sete pontos. Na ausência de Luol Deng, a atuação de Nocioni acaba sendo decisiva para o resultado do time.

Próximo compromisso do Bulls será novamente em casa. Não se espera nada além de uma vitória contra o Minnesota Timberwolves, na terça-feira.

Assista aqui o vídeo que colocamos na prévia desse jogo

Anúncios

4 comentários em “(17-26) Chicago Bulls 77 x 88 Phoenix Suns (32-13)

Adicione o seu

  1. Segunda derrota seguida em casa e não se espera nada a não ser uma vitória contra o Wolves terça?
    Desse time o torcedor pode esperar tudo e ao mesmo tempo nada.

  2. sinceramente acho que contra os Wolves será 1 vitória e 1 derrota … até pq o minessota tem apresentado uma ligeira melhora nas ultimas partidas … e essa ligeira melhora fez as coisas se equilibrarem com essa péssima equipe que tem o Bulls …

    e a rotinha continua …

    1 vitoria , 1 derrota , 1 vitoria , 1 derrota , 1 vitoria , 2 derrotas …

    ps: parabens para o Kirk …

  3. contra o Suns perderia do msm jeito… Num ia adiantar nada ter Deng e Gordon… Os jogadore tem se mostrado muito instaveis… Qdo um joga bem o outro joga pessimamente…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑